Conteúdo Cristão, Notícias, Estudos, Meditações, Vídeos e Muito Mais!

Morte de Daniella Perez, assassinada em 1992 pelo pastor Guilherme de Pádua, vai virar série

58

A morte de Daniella Perez, filha da escritora Glória Perez, vai virar série documental na HBO Max. O assassinato da atriz cometido por Guilherme de Pádua, hoje pastor evangélico, ganhou grande repercussão nacional na época em que aconteceu, em 1992.

A plataforma de streaming anunciou nesta semana que vai produzir a série documental de cinco episódios sobre a morte de Daniella Perez, com direção de Tatiana Issa e Guto Barra, que também assina o roteiro.

Segundo a plataforma, a história do assassinato que chocou o país no início dos anos 90 será contada a partir da perspectiva da mãe Glória Perez, família além de amigos.

Daniella era atriz e bailarina e foi assassinada em 1992, aos 22 anos, pelo também ator Guilherme de Pádua, com quem contracenava na novela De Corpo e Alma, escrita por Glória.

De acordo com arquivos, ele acreditava que conseguiria ter maior participação na trama se se aproximasse de Daniella, que passou a evitá-lo. Ao mesmo tempo, seu papel foi diminuído e ele acreditou estar sendo vítima de um boicote.

Junto com a mulher, Paula Thomaz, ele planejou o crime e matou Daniella com 18 punhaladas no coração e no pescoço, num matagal da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Na época, a atriz era casada com o ator Raul Gazolla. Guilherme e Paula foram presos e condenados pelo assassinato.

Atualmente, Guilherme de Pádua é casado com Juliana de Assis Lacerda, desde 2017, e mora em Minas Gerais. Além disso, virou pastor da Igreja Batista da Lagoinha, em Belo Horizonte (MG).


Fonte: Portal do Trono
Referência: https://portaldotrono.com/morte-de-daniella-perez-assassinada-em-1992-pelo-pastor-guilherme-de-padua-vai-virar-serie/

Comentários
Carregando...

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy