Conteúdo Cristão, Notícias, Estudos, Meditações, Vídeos e Muito Mais!

Membros do governo do Sudão são presos por homens armados

25

Na última segunda-feira (25), um grupo de homens armados prenderam vários membros do governo de transição do Sudão, incluindo pelo menos quatro ministros.

Um relatório sugeriu que o primeiro-ministro civil Abdallah Hamdok foi preso, embora isso não tenha sido confirmado,  a Associated Press (AP) afirmou que a mídia mostrou homens de uniforme perto da sua casa em Cartum. O paradeiro de Hamdok não está claro.

A AP também noticiou que o ministro da indústria Ibrahim al-Sheikh,o ministro da Informação Hamza Baloul, Mahammed al-Fiky Suliman,  membro do Conselho Soberano e Faisal Mohammed Saleh, assessor de mídia do primeiro -ministro também foram presos.

A página do Facebook do escritório do governador do Estado de Cartum, Ayman Khali, informou que ele também foi preso.

Tensões
O motivo da retaliação foi por causa de reuniões que os líderes militares e civis sudaneses tiveram no último final de semana para resolver disputas com Jeffrey Feltman, um enviado especial dos EUA para o Chifre da África.

Segundo a agência de notícias, as prisões aconteceram “após semanas de crescentes tensões entre os líderes civis e militares do Sudão”.

“Uma tentativa fracassada de golpe de Estado em setembro colocou islâmicos mais conservadores, que querem um governo militar, contra aqueles que derrubaram al-Bashir há mais de dois anos em protestos em massa. Nos últimos dias, as ruas foram tomadas por manifestações”, acrescentou a AP.

A Portas Abertas informou que os cristãos do Sudão estão clamando por intercessão, para que as mudanças no governo aconteçam de forma pacífica.  “Podemos esperar e clamar para que Deus faça algumas intervenções nesta situação, sem violência”.


Fonte: Gospel Prime
Referência: https://www.gospelprime.com.br/membros-do-governo-do-sudao-sao-presos-por-homens-armados/

Comentários
Carregando...

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy